Adotando um Planner para organizar a rotina

Quem me acompanha lá no Instagram sabe do processo de organização que eu estou passando agora. O meu ano começou uma bagunça por causa da adaptação da Julia na escola e por isso não só estou me organizando agora que tudo está mais tranquilo. Eu era uma pessoa super organizada e em poucos anos passei a ter uma rotina que já estava beirando o caos. Ter me tornado mãe e ter passado por tantas mudanças na minha vida além da maternidade, me fez perder o foco e até o controle do meu dia-a-dia.

Antes, no final do ano se aproxima eu já estava escolhendo a agenda do ano seguinte, mas com o tempo acabei perdendo esse hábito. Na época, eu usava as agendas tanto para anotar os meus compromissos, como para escrever o que me vinha à cabeça, já que escrever à mão é um hábito que sempre gostei de cultivar. Eu sempre escrevia algo à noite, enquanto relaxava em casa depois de um dia de trabalho. Até a gravidez, eu fazia isso, mas depois veio a vida de mãe e mudanças, muitas mudanças na minha vida, que fizeram tudo desandar.

Depois de experimentar uma vida com o mínimo de planejamento possível, vi uma necessidade urgente de voltar a ser organizada. Eu anotava tudo em bloquinhos, pela praticidade, mas as anotações iam se acumulando e virava uma bagunça. Voltei a usar uma agenda só para anotar os compromissos importantes, mas com o tempo começaram a surgir muitas outras tarefas e a agenda não era mais suficiente, principalmente quando o blog começou a ficar mais profissional.

Eu sempre ouvia falar em planner, mas não tive curiosidade de experimentar, até perceber que eu realmente precisava de um para me organizar melhor. Como eu disse no outro post, encontrei planners muito bacanas, porém caros e outros com preços acessíveis, porém muito básicos. Por isso eu resolvi fazer o meu próprio planner, personalizado e nesse post vou mostrar pra vocês e disponibilizá-lo para download.

O que é um planner

Para quem não ouviu falar ainda, Planner, Daily Planner ou Life Planner, nada mais são do que uma agenda, com alguns diferenciais. O planner traz espaços especiais para organizar assuntos específicos como abjetivos, metas, entra outros. O Planner também é prático porque dá uma visão geral dos compromissos mensais e semanais.

Eu sempre gostei de papelaria, principalmente dessas coisinhas mais fofas e fiquei um pouco frustrada quando não consegui encontrar nenhum planner mais completo aqui em Fortaleza. Encontrei na internet alguns planner maravilhosos, alguns só dá pra comprar em sites internacionais e no Mercado Livre. Na minha pesquisa descobri alguns super legais e recomendados por algumas blogueiras, das marcas Filofax, Kikki-K, Erin Condren, Paperview A. Craft.

Acabei não comprando nenhum desses porque alguns – os que eu mais gostei –  têm um preço bem elevado que somado ao frete, ficaria um pouco caro para o meu orçamento atual. Além disso, como eu tinha urgência, mesmo que eu fosse comprar, iria demorar muito pra chegar, principalmente se fosse importado.

Vantagens de usar um planner

  1. Está sempre à mão facilitando visualizar os compromissos da semana inteira;
  2. Não precisa de senha, como os planners digitais, nem tem o inconveniente de perder anotações ou ficar sem bateria;
  3. Escrever à mão é um bom hábito para se cultivar;
  4. O excesso de mensagens de texto, emails, tweets, alertas e alarmes pode ser estressante. Os lembretes das agendas digitais incomodam e a gente acaba silenciando ou desativando e esquecendo;

Meu planner pessoal

O meu planner pessoal é bem simplificado, para não correr o risco de ter muitos campos que iriam acabar em branco no final da semana. Coloquei as informações essenciais pra conseguir ter uma visão geral todos os projetos, tarefas e compromissos, mantendo o foco nas prioridades.

Abaixo de cada imagem eu coloquei um link para você fazer o download em formato PDF e imprimir.

  • O primeiro arquivo são as capas para fazer a divisão dos meses; em seguida vem o Planner diário, para quem gosta de planejar cada dia;
  • O próximo arquivo é o planner mensal/semanal, para fazer aquele planejamento mais geral das atividades;
  • Quem tem blog pode se interessar pelo planner específico para planejar os posts de meses e de cada semana;
  • Por último, vem o calendário de 2017 com os principais feriados.

Você pode imprimir em tamanho A4 ou se preferir, pode imprimir em tamanho A5 que é menor. Se você não entender muito de impressão, pode levar em uma gráfica rápida, onde você tem a garantia de uma boa impressão, além da orientação de um profissional.

Quem prefere de ter uma visão geral de todo o ano, pode imprimir o planner para todos os meses e encadernar. Mas também tem a opção de imprimir só a quantidade suficiente para um mês e arquivar em um fichário.

Faça abaixo o download em PDF das capas de cada mês:

Capas-Meses

Planner diário

O planner diário inclui um campo para a data, um espeço para o pensamento do dia, uma coisa que eu gosto muito de fazer pra me inspirar. Além disso, tem espaços divididos em horas, para anotar os compromissos.

No final da página, tem um espaço para lembrar de beber água e comer frutas, que é uma coisa muito importante e que eu sempre esqueço e também um espaço para anotar a atividade física do dia. Assim, no final da semana, dá pra ter uma noção de como foi o nosso rendimento nesses aspectos. Afinal, a organização pessoal também inclui levar uma vida mais saudável.

O arquivo está em PDF e contém uma capa, uma folha diária e uma folha para anotações. Você pode imprimir quantas folhas desejar, para a semana, para o mês ou mesmo para o ano inteiro.

 

Faça abaixo o download em PDF do planner diário:

Planner-Diario

Planner mensal e semanal

O planner mensal tem uma página com um espaço reservado para as metas do mês, divididas em “meta muito fácil”, “meta fácil” e “meta difícil”. Essa foi uma técnica que eu achei bem interessante, porque muitas vezes eu planejava fazer muitas coisas e ficava frustrada no final de uma semana ou de um mês, por não ter conseguido atingir as minhas metas.

Dividir as metas por nível de dificuldade, ajuda a gente a não se cobrar tanto. A meta muito fácil deve ser algo realmente fácil de conseguir, como por exemplo, beber mais água. A meta fácil pode ser algo que exija um pouco mais de esforço, mas é fácil de conseguir, como por exemplo, caminhar durante meia hora por dia. Já a meta difícil, é algo que exige muito mais esforço e planejamento, como por exemplo, organizar o armário.

O objetivo desse esquema de metas é que se consiga de preferência alcançar as metas de nível muito fácil e fácil. A meta difícil funciona como se fosse um bônus, mas que não é obrigatória. Se esta meta for atingida, ótimo, mas se não conseguirmos, podemos planejá-la para a próxima semana ou para o próximo mês, sem ficar com sentimento de culpa ou frustração.

O ideal é que as metas sejam planejadas de maneira realista. Não adianta planejar metas demais e não conseguir cumprir nada.

Além das metas, o planner mensal também tem espaços para datas importantes e tarefas.

Além do planejamento mensal, tem uma folha para fazer o planejamento da semana, distribuindo tarefas e compromissos ao longo das semanas do mês, para evitar sobrecarga de atividades.

 

Faça abaixo o download em PDF do planner mensal:

Planner-Mensal

Planner para o blog

Quem tem blog sabe que se não houver o mínimo de organização, é impossível manter uma regularidade nas postagens. Eu sempre fiz o meu planejamento pelo Asana, mas como eu já faeli antes, essa coisa de manter o meu planejamento nas nuvens já vem me incomodando há algum tempo. Como o blog toma boa parte do meu tempo, eu fiz um planejamento exclusivo para isso, para não misturar muito com tarefas e compromissos da vida pessoal.

Basicamente o planner para o blog tem três páginas, com o planejamento do mês, o planejamento da semana e uma folha para anotações. Outras informações mais específicas sobre acessos, deixei por enquanto só nos meios virtuais. Se eu sentir necessidade mais à frente acrescento mais alguma categoria para o planejamento do blog.

Faça abaixo o download em PDF do planner para blog:

Blog-Planner

Calendário 2017

Para ter um visão geral do ano, incluí o calendário e páginas para resoluções e conquistas do ano. Acho importante registrar essas coisas, para fazer um balanço de como foi o ano, quais foram as conquistas mais importantes e o que deixamos de fazer. Isso é a base para o planejamento do ano seguinte.

Faça abaixo o download em PDF calendário de 2017:

Calendario-2017

A minha ideia de ter um planner personalizado é que ele vá se modificando à medida em que eu uso, de acordo com as minhas necessidades. Caso eu ache necessário, vou fazendo edições até que ele fique bem prático.

Se você gostou desse post, me conta nos comentários! Se você tem alguma dúvida ou sugestão, fique à vontade para contribuir.

Beijos e até o próximo post sobre organização!

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notify of
avatar
wpDiscuz