Peças-chave para o guarda-roupa de grávida

Depois que você descobre que está grávida, a primeira coisa que vem à cabeça é o pré-natal e o enxoval. Mas depois que se passam alguns meses, as suas roupas passam a não servir mais e só aí é que a gente pensa: “E agora, que roupa vou usar?”

A gravidez é um momento único na vida de uma mulher, onde muitas mudanças acontecem.  A primeira é a forma de se vestir. E foi pensando nisso que selecionei algumas dicas de peças que podem ser usadas durante a gestação e depois da gravidez, para auxiliar as novas mamães nessa importante mudança do guarda-roupa.

 

Calça legging

A calça legging já é um clássico no guarda-roupa de qualquer grávida. Por sua elasticidade e pelo seu conforto, a peça fica ótima mesmo quando a barriga está bem grande. A legging também é facilmente usada depois da gravidez. Hoje, a peça já não tem mais cara de academia e apresenta uma variedade de estilo e modelos. Mas lembre-se que é uma peças casual e deve ser usada de preferência com calçados casuais, nunca com sandálias finas ou com saltos.

Calça jeans

A calça jeans é uma peça muito versátil e pode acompanhar você também na gravidez. As peças adaptadas para gestantes têm a cintura elástica, que se ajusta à barriga proporcionando conforto, podendo ser usada durante toda a gestação. Com certeza essa não é uma peça que você continuará usando depois que o bebê nascer, mas como a calça jeans é uma peça atemporal, você pode guardá-la para outra gravidez, caso pretenda ter mais de um bebê. Uma boa calça jeans para gestante pode fazer toda a diferença no seu guarda-roupa durante esse período e vale o investimento!

 

Short jeans

O short jeans para gestante usa o mesmo recurso da calça comprida e pode ser uma ótima opção para os dias mais quentes. Assim como a calça jeans, o short permite formar muitos looks e garante o conforto para quem espera bebê na estação mais quente.

Calça Pantalona

A pantalona é outra calça confortável e que pode ser usada durante a gravidez e depois do barrigão. Por ter as pernas bem amplas, acaba não atrapalhando nos momentos em que elas incham durante o período gestacional. Além disso, a pantalona tem muito estilo e fica ótimo para qualquer mulher.

Bata

A bata é sempre uma ótima aliada das grávidas. Por sua modelagem ampla na barriga, é possível usá-la durante toda a gravidez. Alguns modelos, ainda valorizam a silhueta sendo mais justos na parte do busto. A bata também é facilmente incorporada ao guarda-roupa para depois da gravidez.

 

Blusa de malha

As blusas de malha são básicas e ajudam na hora de criar combinações. Você pode comprar algumas com estilos e cores variados, para conseguir criar looks. Depois da gravidez, a peça pode ser usada no dia a dia.

Vestido amplo

Os vestidos em geral são perfeitos para o momento gestacional, pois podem comodar a barriga quando esta fica maior. De preferência, o vestido deve ter cintura alta ou modelagem ampla, assim servirá tranquilamente durante os nove meses de gravidez. Depois que o bebê nascer, o vestido pode ser usado com um cinto para definir a silhueta.

 

Vestido curto

Os vestidos curtos são ideais para ocasiões informais, que você deseja ficar mais à vontade. Da mesma forma que o vestido longo, o vestido mais curtinho, de preferência, deve ter cintura alta, para dar mais conforto e se ajustar bem à barriga.

 

Macacão comprido

O macacão comprido com modelagem soltinha é uma peça coringa para aqueles dias que você não tem muito tempo para escolher a roupa para sair.  Além de elegante, o macacão é básico e pode ser usado depois da gravidez.

Saia longa

A saia longa além de ser estilosa, também é uma peça que pode ser usada durante e depois da gravidez. Quando a barriga estiver maior, basta acomodar a saia um pouco para baixo. Por ter elástico na cintura, ela não atrapalha e não deixa a grávida desconfortável.

 

 

Dicas para depois da gravidez:

    • Outra dificuldade é como se vestir bem amamentando. Uma boa dica é  adotar a camisa de botão, que pode ser elegante e prática ao mesmo tempo. Além disso, camisetas de malha sobrepostas são muito práticas.
    • Se você gosta de vestido tubinho, mas sabe que é desconfortável para sair com criança, adote as modelagens evasê, que dão liberdade de movimentos, sem deixar de definir a silhueta.
    • Algumas mulheres como eu, têm dificuldade em escolher roupas, pois as peças de grávidas são muito grandes para quem é magra. Uma boa solução é usar roupas “normais”, com tamanhos maiores e comprar só algumas peças de baixo (calças e saias adaptadas para gestantes).
    • Se você gosta de salto, mas acha complicado usar salto segurando um bebê, pode adotar sandálias de plataforma ou saltos tipo anabela, que são mais confortáveis.
    • Depois que o bebê nascer, prefira acessórios menores, para que o bebê não consiga puxá-los.

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notify of
avatar
wpDiscuz