A importância do vínculo entre pais e filhos

Quando temos filhos nos perguntamos qual a melhor maneira de garantir um bom futuro ao nosso filho. As dúvidas muitas vezes torturam pais e mães e nos enchem de culpa. Pensamos muitas vezes em educação como um conjunto de conhecimentos aprendidos e acumulados. Mas o que mais importa no desenvolvimento de uma criança não é a quantidade de informação introduzida em seu cérebro nos primeiros anos de vida.
O mais importante no processo de educação é ajudar a criança a desenvolver qualidades como persistência, autocontrole, curiosidade, escrúpulos, determinação e autoconfiança. Essas qualidades emocionais é que vão fazer diferença  por toda a vida da criança.
Para que essas características emocionais se desenvolvam é determinante que mãe e pai se dediquem ao seu filho, se fazendo presente, cuidando com amor.
Muitas mulheres esticam o período de licença maternidade diminuem a sua jornada de trabalho e muitas vezes são julgadas por isso. Mas resultados de diferentes pesquisas apontam que, para que uma criança adquira segurança e as habilidades necessárias para a vida e desenvolva ao máximo suas potencialidades, o que ela mais necessita é de uma conexão amorosa com os pais.
Também já é provado que bebês que recebem mais atenção dos pais tornam-se mais independentes em comparação com os bebês que são acostumados a serem deixados sozinhos por muito tempo em berços e cadeirinhas.  Pais desatentos ou indiferentes podem tornar seus filhos inseguros no futuro.
Essas informações são animadoras, afinal, carinho e amor não custa dinheiro nenhum.

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notify of
avatar
wpDiscuz